domingo, 27 de junho de 2010

Quando o fim tem começo!

Sabe um coração cheio de alegria? Pois é, está o meu!

A varanda é um espaço livre de qualquer preconceito, por isso, escrevemos de tudo um pouco aqui. As vezes "abandonamos" o blog, não é por querer. Todos nós trabalhamos e estudamos muito, peço perdão aos poucos e bons leitores deste espaço.
Obrigada pela paciência e principalmente pelo tempo que disponibilizam para vir aqui comentar nossos textos. PROMETO, que sempre passarei por aqui, com ou sem tempo, vou sempre dar um jeito, assim como nossos outros amigos. Não se preocupem, esse vento não irá passar..

Bom, vamos aos serviços rs!

Poetizando..

Manhã nublada, seguida de um dia um tanto quanto estranho, afinal de contas, o céu azul e o sol a pino, agrada bem mais. Porém, todo dia é dia. Todo dia é dia de sorrir, de chorar, cantar, se calar, pular e cair. Todo dia, de fato, é dia! Dia de tudo e dia de nada.

Hoje é dia amigos, dia de ser FELIZ, imensamente feliz.
Portanto, a partir de hoje, levaremos a felicidade como obrigação diária. Assim como escovar os dentes, dar beijinho de bom dia em quem a gente ama, ir trabalhar (¬¬ rs), encontrar a família no final da tarde e implicar com o cachorro do vizinho sempre que ele ta no portão atormentando nossas vidas. Tadinho do cachorro, ele nem sabe que atormenta mas sim, ele atormenta, aquele poddole chato! Enfim, deixa o Nick pra lá. rs

Se vocês soubessem o que/quem me deu inspiração pra vir falar de felicidade aqui, uma criança linda que completou um ano ontem, o amor incondicional da minha vida. Uma mulher linda, nossa, como linda ela é. Uns amigos perfeitos, minhas pilastras e até mesmo, o chato do cachorro que me acordou com um latido alto, extremamente irritante mas muito FELIZ pq quando olhei da janela, tava ele lá, brincando de pegar a bolinha que rolava por todo quintal..
Felicidade, minha gente, a fórmula é essa. Ver nas pessoas, nas coisas, a felicidade! Não tem mistério, não tem segredo, é sim uma questão de escolha. Só é feliz quem escolhe ser feliz. Não escolha ser triste pq isso é triste demais, não me deixe triste, escolhendo ser triste. Vamos todos ser felizes, MUITO felizes.

Bom, como diria o poeta, meu preferido Vinicius, em uma quase homenagem a nossa varanda rs:


"A felicidade é como a pluma
Que o vento vai levando pelo ar
Voa tão leve
Mas tem a vida breve
Precisa que haja vento sem parar..."

Vinicius de Moraes

Bons ventos a todos.
Que todos vocês, tenham felicidade suficiente para que eu nunca precise deseja-los.

Boa pescaria!

5 comentários:

  1. aeeee....voltaram a atualizar o blog... \o/

    bons ventos voltam a soprar nesta varanda e isso me trouxe felicidade.

    hehe... Tamiris, gostei muito do texto. Em especial da parte que tu fala no final "Só é feliz quem escolhe ser feliz. Não escolha ser triste...".

    Acredito e inclusive já escrevi sobre isso, que a felicidade é um momento, não um estado permanente. Mas nós transformamos os momentos em felizes ou tristes. Normalmente as pessoas tendem a salientar as coisas ruis de cada experiência de vida e isso acaba trazendo junto a tristeza,o baixo astral. Quando aprendermos a dar maior importância às coisas boas, teremos mais momentos felizes e isso será uma escolha só nossa...pelo menos é meu jeito de pensar... hehe...

    muito boa a reflexão!

    Mais uma vez, que bom que o vento voltou a soprar por aqui... eu tinha feito um apelo no outro comentário, mas entendo que todos têm seus afazeres. Mas é que fazia tempos que não apareciam... hehe...

    Abraços do Mr.!

    ResponderExcluir
  2. Olá.

    Muito bom o texto.

    Exatamente como eu penso, quem escolher a felicidade, será feliz, quem escolher a tristeza, terá somente injúrias em sua vida.

    As pessoas somente não enxergam que o caminho da felicidade é aquele mais longo e estreito, precisa muito do esforço de cada um para passá-lo.

    Acho agradável a ideia de ter um blog onde várias pessoas atualizam. O meu, que é atualizado por mim mesma, de vez em quando (rs) é www.blogdale-escritora.blogspot.com

    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Ah!, a felicidade! Tão breve! rs... Vale citar novamente Vinícius, novamente com muita intimidade: "que seja eterno enquanto dure" ...mas sim, ele falava de amor. (mas acaba sendo um resquício do outro)

    Que os bons ventos mantenha fresca a varanda, mesmo quando o sol não está a pino! rs.Abraço!

    ResponderExcluir
  5. Vocês não sabem como é bom ver que o que escrevemos interessa a vcs a ponto de virem aqui comentar. Obrigada pelo carinho com a nossa varanda.

    Bons ventos a todos!

    ResponderExcluir